Foto de perfil

Gabriela Caesar

Jornalista

São Paulo, SP - Brasil

Sou jornalista de dados no G1, com passagens pelo Estadão e pelo Poder360. Em Brasília, participei das coberturas do impeachment e da cassação do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha. No Estadão, fui uma das responsáveis pela apuração e atualização do Placar do Impeachment. Meus principais interesses são política e tecnologia. Por isso, nos últimos anos, tenho lido sobre transparência pública, sociedade civil organizada, dados abertos e linguagem de programação.

Por oito semanas, estudei HTML, CSS e Javascript numa turma de mulheres do curso {reprograma}. Desde então, tenho me concentrado em entender mais sobre o mundo da TI. Vou a encontros do MeetUp, assisto a tutoriais na internet e toco projetos online. Tenho aprendido muito e quero tirar várias ideias do papel.

Portfólio

Outras atividades

Estágio-visita da Câmara dos Deputados

Fiz parte do grupo de universitários de todas as regiões do país que foram para Brasília, capital federal, para aprender e debater questões relacionadas ao Legislativo, acompanhar audiências e conversar com deputados.

Bolsista do DAAD na Alemanha

Recebi uma bolsa de estudos do governo alemão para estudar o idioma e a cultura durante seis semanas em Kassel, na Alemanha. Durante o período, mantive um site no qual especifiquei em que gastei o dinheiro e identifiquei diferenças entre as realidades brasileira e alemã. http://gabrielaprestacontas.wordpress.com/

Cursos livres

Data science, big data e machine learning

O bootcamp de 30 horas, com desenvolvedores da Globo.com, mostrou técnicas para a análise de dados com Pandas, Numpy e outras bibliotecas. Também tivemos aula de estatística, predições, visualizaçāo, entre outros. Os meus cadernos estāo nesta pasta.

Introdução a QGIS e mapeamento

Fiz o curso com Bernardo Loureiro, especialista no uso de dados e tecnologias para urbanismo e criador do Medida SP. QGIS é um programa open source para visualização, edição e análise de dados georreferenciados.

Python para jornalistas

Fiz o curso online que ensina Python para jornalistas. Nas aulas, vimos as utilidades da linguagem de programação para a análise de dados e para a raspagem. Os exercícios estão num repositório no GitHub.

SQL para jornalistas

No curso oferecido pela Abraji, o jornalista e programador Rodrigo Burgarelli ensinou como trabalhar com grandes bases de dados no DB Browser. O software funciona bem para datasets que são grandes demais para serem usados no Excel.

Javascript

Curso de 40h focado em Javascript com o professor Daniel Tapias. Veja os exercícios nesse repositório no GitHub.

Introdução a Jupyter Notebook

Aprendi manipulação e análise de dados com Jupyter Notebook, usando Python. O curso foi lecionado por Ben Welsh, editor de dados do Los Angeles Times. Os exercícios feitos por mim estão publicados num repositório do GitHub.

Programação em HTML, CSS e Javascript

A turma do curso {reprograma} reunia mulheres das mais variadas áreas. Por oito semanas de curso, ficamos imersas na programação front-end. Definitivamente, aprendemos muito. Como projeto final, eu desenvolvi um site sobre as votações no Senado.

Introdução ao Jornalismo de Dados

Em dezembro de 2014, eu tive meu primeiro contato com o jornalismo de dados. Aprendi a mexer em sites que facilitam na montagem de gráficos interativos, a manipular dados em milhares de linhas do Excel e iniciei na raspagem de dados. Na época, escrevi sobre a experiência.

Introdução a Python

Por ter interesse em raspagem de dados, eu participei de um workshop para aprender o básico dessa linguagem de programação. O encontro também foi positivo por me colocar em contato com as pessoas do mundo da programação.

Matemática financeira

No curso ministrado pelo economista José Dutra Vieira Sobrinho, em uma semana, aprendemos a mexer em calculadora financeira e tivemos noções de matemática financeira. Eis alguns dos pontos abordados: taxa de juros, valor presente, valor futuro, sistemas de amortização, sistema de prestações iguais ou uniformes etc.

Congressos e conferências

Abraji 2018

Fui a mais uma edição do Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo da Abraji. Optei por participar exclusivamente das oficinas, que duravam o dia inteiro, para conhecer mais sobre R e ainda aprender a usar a API da Câmara dos Deputados em conjunto com a biblioteca Selenium em Python.

CodaBR 2017

Em novembro, participei da 2ª conferência anual de jornalismo de dados e métodos digitais, organizada pela Escola de Dados. Clique aqui para ler mais.

Abraji 2017

Em junho e julho, fui ao 12º Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo da Abraji. Também sou associada à Abraji. Saiba mais sobre o evento.

Abraji 2016

Participei do 11º Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo da Abraji, em São Paulo.

CodaBR 2016

Em 21 de maio, fui à 1ª conferência anual de jornalismo de dados e métodos digitais, organizada pela Escola de Dados. Leia mais sobre o evento.

Abraji 2015

Participei do 10º Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo da Abraji, em São Paulo.

Global Investigative Journalism Conference, 2013

No Rio, em outubro, ajudei na cobertura e participei da GIJC, junto com o 8º Congresso Internacional da Abraji, na PUC-Rio.

Voluntariado

Mesária nas eleições

No Rio, fui voluntária na seção eleitoral 148 da zona eleitoral 211. Por duas eleições, exerci a função de presidente de mesa, tendo coordenado outros quatro mesários.

Doadora de sangue

Doei sangue voluntariamente a cada seis meses dos 18 aos 22 anos.

Idiomas

  • Inglês
  • Avançado
  • Alemão
  • Intermediário
  • Português
  • Nativo
  • Espanhol
  • Intermediário

Habilidades

  • Excel
  • SQL
  • Photoshop
  • InDesign
  • HTML e CSS
  • Python